Asserti solicita reconhecimento do APL de TI para Governo de SP

Com o objetivo de ampliar o reconhecimento de Marília e região como polo de Tecnologia da Informação (TI) e possibilitar acesso a recursos para a ampliação e melhoria dos serviços das empresas de TI da região, o presidente da Associação de Empresas de Serviços de Tecnologia da Informação (Asserti), Prof. Dr. Elvis Fusco, esteve reunido com a Diretora do Programa de Fomento aos Arranjos Produtivos Locais (APL) da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação do Governo de São Paulo, Juliana Arnaut de Santana, para apresentação do projeto de solicitação do reconhecimento de um APL de TI na cidade de Marília e região.

Estiveram presentes também no encontro o Diretor do CIESP, Chikao Nishimura e o Gestor do Centro de Inovação Tecnológica de Marília (CITec-Marília), Prof. Dr. Fábio Dacêncio Pereira.

image

Os APLs são concentrações de empresas que atuam em atividades similares ou relacionadas, que, sob uma estrutura de governança comum, cooperam entre si e com outras entidades públicas e privadas.

Segundo Juliana, uma das vantagens do APL é facilitar o acesso de micro, pequenas e médias empresas a programas de gestão empresarial, mercado, processo, produtos e linhas de financiamento, visando ao seu fortalecimento no mercado interno e acesso ao externo. Outra vantagem é incentivar a troca de informações entre as próprias empresas, com as entidades de classe, governos e instituições de ensino e pesquisa. Essa interação entre as empresas aprimora suas vantagens competitivas, vislumbrando um cenário de estratégias de crescimento e desenvolvimento e não mais de concorrência predatória.

O presidente da Asserti, Elvis Fusco, explica que a ação de solicitação de credenciamento do APL TI Marília à Rede Paulista de Arranjos Produtivos Locais é encabeçada pela Asserti, que também está à frente do projeto de credenciamento provisório do Parque Tecnológico de Marília em parceria com a Prefeitura de Marília e o Centro Universitário Eurípides de Marília (Univem).

Para solicitar o credenciamento, a Asserti elaborou projeto que demonstra a existência de um aglomerado de empresas de TI localizadas na região de Marília que apresentam uma especialização produtiva e mantém vínculos de articulação, interação, cooperação e aprendizagem entre si, isso inclui parcerias com a Prefeitura, associações empresariais, instituições de crédito, ensino e pesquisa.

Com sua sede no Centro de Inovação Tecnológica de Marília, a Asserti representa hoje mais de 60 empresas associadas e mantém parcerias estratégicas que permitem a execução de ações que beneficiam as empresas de TI da região. “Com o credenciamento do APL TI Marília, as empresas poderão se beneficiar das oportunidades que serão geradas pelo APL, independentemente de ser ou não um associado da Asserti. Por meio do APL, vamos acelerar o desenvolvimento econômico local e regional, além de destacar as empresas de TI da região e torná-las ainda mais competitivas.”, destaca Elvis Fusco.

A governança do APL TI Marília ficará sob responsabilidade da Asserti e deve ter sua aprovação nas próximas semanas. Com o arranjo reconhecido pelo Governo de Estado, o setor tecnológico de Marília e região deve ganhar ainda mais força, uma vez que a cidade será uma das únicas do estado a ter um APL de TI.

Abertas as inscrições para a IX Semana de Tecnologia da Informação

capa-FACE

Acontece entre os dias 12 e 17 de setembro a IX Semana de Tecnologia da Informação, evento organizado pelos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do Univem em parceria com o COMPSI (Computing and Information Systems Research Lab), a ASSERTI (Associação de Empresas de Serviços de Tecnologia da Informação) e o CITec-Marília (Centro de Inovação Tecnológica de Marília).

Maior evento da área de Tecnologia da Informação (TI) da região, atrai profissionais, empresas e alunos e esse ano traz algumas novidades para os entusiastas por tecnologias principalmente os empreendedores com perfil de inovação em TI e aqueles aficionados por tecnologias de desenvolvimento de software.

Empreendedorismo e Inovação em TI, Internet das Coisas (IoT), Web Semântica, Banco de Dados, Design Thinking, Big Data Analytics, Coaching para Profissionais de TI, tendências de tecnologias para desenvolvimento de sistemas para Web e Dispositivos Móveis são alguns dos temas que serão tratados neste ano na Semana de Tecnologia da Informação.

Seu objetivo é proporcionar o intercâmbio tecnológico entre profissionais, estudantes, professores, empreendedores e pesquisadores da área de Tecnologia da Informação, por meio de suas palestras, que visam evidenciar aspectos multidisciplinares, reforçando os elos temáticos presentes na matriz curricular dos cursos, bem como, a atualização técnica dos alunos do UNIVEM e do público em geral, a partir dos minicursos oferecidos durante o evento.

Marília e região vivem um momento especial em relação à área de Tecnologia da Informação e esforços têm sido feitos do Univem em conjunto com a Prefeitura Municipal de Marília, a ASSERTI e o Governo do Estado para trazer para a cidade o Parque Tecnológico que consolidará ainda mais a região como polo de tecnologia e inovação.

Na abertura da Semana de TI no dia 12 de setembro as 19h30, acontece o Seminário de Inovação, fórum de discussão sobre o tema trazendo autoridades e especialistas no assunto.

Como nas outras edições, neste ano o evento apresenta o Recruting Semanati 2016, espaço destinado a empresas que tem a possibilidade de exporem seus produtos e serviços e realizar o recrutamento de alunos e profissionais.

Neste ano acontece novamente a Olimpíada de Informática para Alunos do Ensino Médio em sua 4ª Edição, projeto em parceria com a ASSERTI (Associação de Empresas de Serviços de Tecnologia da Informação) que tem o objetivo de identificar futuros talentos e inspirar os jovens para as carreiras na área da Tecnologia da Informação. Neste ano mais de 150 alunos das escolas públicas e privadas de ensino médio e técnico realizaram treinamento prepatório para a competição em que os melhores colocados irão ganhar um curso de Formação em Desenvolvimento de Aplicativos para Dispositivos Móveis na plataforma Android e os primeiros colocados ganhãarão um Smartphone Android como ferramenta para realizar o curso.

Outra atração do evento é a fase regional da Maratona de Programação, evento promovido pela Sociedade Brasileira de Computação que acontece no dia 10 de setembro pela 5ª vez na cidade de Marília. Nesta competição alunos da área de TI de instituições de ensino superior do interior de São Paulo testam seus conhecimentos em programação de computadores e os melhores colocados são classificados para a fase nacional da competição.

Grandes empresas de TI como a Boa Vista Serviços, Telecontrol, Tray, Locaweb,  CIAG (Jacto), Newcon, Bredas, Onclick, Life, Codesis, Tecnosuper, CR Sistemas e a Associação de Empresas de Serviços de Tecnologia da Informação (ASSERTI) também estarão presentes no evento com apoio e stands no espaço Recruiting.

Para fazer sua inscrição e ver a programação completa do evento, acesse www.univem.edu.br/semanati2016.

Para mais informações envie e-mail para semanati@univem.edu.br.

Alunos do Ensino Médio participam da 4ª edição da Olimpíada de Informática

O Univem (Centro Universitário Eurípides de Marília) realizou neste sábado (13/08) a 4ª Olimpíada de Informática para Alunos do Ensino Médio. Promovido pelo cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação, em conjunto com as empresas associadas à ASSERTI (Associação de Empresas de Serviços de Tecnologia da Informação), o evento tem o propósito de inspirar alunos de ensino médio e técnico da rede pública e privada e descobrir talentos que tenham interesse em seguir a carreira na área de TI (Tecnologia da Informação).

O evento tem como principal objetivo apresentar o universo da programação de computadores e identificar talentos para a área, tendo em vista o déficit de profissionais que, segundo a Brascomm – Associação Brasileira de Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação, até 2020, o setor de tecnologia vai abrir 750 mil novos postos em todo o país.

Segundo o coordenador dos cursos de Ciência da Computaçãoe Sistemas de Informação do Univem e presidente da ASSERTI, Prof. Dr. Elvis Fusco, de acordo com a empresa de consultoria e pesquisa de mercado International Data Corporation (IDC), o mercado de TI deve crescer 2,6% em 2016, se consolidando entre os dez setores com mais investimentos até o fim do ano. ”O mercado de TI é uma das áreas que tem passado com folga pela crise vivida no país, muitas empresas continuam contratando e essa é uma grande oportunidade para os jovens do país, dados da Brasscom, o mercado nacional emprega 1,3 milhão de trabalhadores. Para 2016, a projeção de crescimento é de 30% a mais do que esse número”, explica o coordenador do evento.

Para participar da competição, o Univem ofereceu de 18 a 29 de julho um curso de férias de programação de computadores para capacitar os participantes que ainda não conhecem programação. No período de 1 a 12 de agosto, os alunos participaram de um treinamento para a competição, em que foram capacitados para participar da competição que acontece neste sábado.

Segundo o coordenador do evento, foram mais de 150 participantes durante os treinamentos, neste sábado em torno de 100 participantes participarão da competição.

Para Rodrigo Gonçalves Rodrigues, atualmente aluno do 1º ano de Sistemas de Informação no Univem e vencedor da Olimpíada em 2015, a motivação para participar da olimpíada foi além dos treinamentos oferecidos que o Univem ofereceu. “A competição confirmou ainda mais minha vocação para a área de Tecnologia da Informação. A Olimpíada busca despertar, nos alunos de ensino médio, até os que nunca tiveram contato com a programação, o desejo por aprender a programar, por buscar essa área que cresce cada dia mais e mais no mundo, uma oportunidade que pode ser única e gratificante”.

Como na edição da Olimpíada de 2015, após a competição, será oferecido aos melhores colocados um treinamento de Formação em Desenvolvimento para Dispositivos Móveis Android. Segundo Elvis Fusco, os primeiros colocados ganharão um smartphone Android para poderem participar do curso. “Além de revelar grandes talentos para atuar futuramente na área, após o curso de formação em Android, a iniciativa vai também encaminhá-los para estágio em empresas associadas à ASSERTI para continuar a se desenvolver dentro do setor”.

Clique aqui e veja fotos da competição.

Vaga para Desenvolvedor Web Junior e Pleno

Estamos com OPORTUNIDADE para Desenvolvedor Web Júnior e Pleno

Requisitos: Conhecimento em HTML, CSS, JavaScript, PHP, REST, SQL e GIT.

Salário e Benefícios atraentes.

Interessados, encaminhar currículo para: talentos@egentequefaz.com.br

Coordenador do Univem participa de reunião com Ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações

IMG_5466

O Prof. Dr. Elvis Fusco, coordenador do Centro de Inovação Tecnológica de Marília (CITec-Marília) e dos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do Univem e presidente da Associação de Empresas de Serviços de Tecnologia da Informação (ASSERTI), esteve nesta segunda (08 de agosto) em São Paulo em reunião com o Ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab. A reunião teve a presença do Deputado Federal Walter Ihoshi que em conjunto com o Vereador Marcos Rezende intermediaram a audiência com o ministro atendendo à solicitação do Reitor do Univem, Dr. Luiz Carlos de Macedo Soares realizado por meio de ofício entregue no dia 05 de agosto.

Na pauta do encontro, a apresentação do Sistema Local de Inovação de Marília contemplando todo o movimento pela inovação que a cidade tem vivenciado nos últimos anos convergindo com o projeto do Parque Tecnológico de Marília.

ReuniaoKassab - Cópia

Na reunião, o Prof. Dr. Elvis Fusco apresentou todo o histórico de ações de apoio ao empreendedorismo tecnológico e inovador que tem levado a cidade a ser reconhecida nacionalmente como polo industrial na área de Tecnologia da Informação e no empreendedorismo inovador.

Segundo Fusco, dentre as ações apresentadas, destacam-se o credenciamento do CITec-Marília e do CIEM ao Sistema Paulista de Ambientes de Inovação do Governo de SP, a lei de criação do Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação, o papel da ASSERTI em promover e divulgar a indústria de TI da região, a diminuição da alíquota do ISS para as empresas de TI de 5% para 2%, o andamento do projeto de Lei Municipal de Incentivo à Inovação e o Parque Tecnológico de Marília, projeto de parceria entre a Prefeitura de Marília, as entidades da cidade e o Governo do Estado de São Paulo.

“Pudemos mostrar ao ministro todo o potencial da região de Marília em relação ao empreendedorismo tecnológico e inovador e a articulação existente entre o poder público municipal e estadual com as entidades produtivas e as instituições de ensino e pesquisa da região que tem possibilitado várias conquistas para a cidade nos últimos anos nas áreas de geração de renda e emprego de alto valor agregado que geram os ambientes de inovação”, destaca Elvis Fusco.

Na reunião, além de apresentar todo o Sistema Local de Inovação de Marília, Elvis apresentou demandas de recursos para ampliação dos serviços prestados pelo Centro de Inovação Tecnológica de Marília e pelo Centro Incubador de Empresas de Marília que podem ser atendidas pelo Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações. “Esses recursos irão incrementar as ações de apoio ao empreendedorismo e à inovação para as empresas de Marília e região e para os futuros empreendedores”, conclui o Prof. Elvis Fusco.

Categorias:Uncategorized

Univem lança novo número de Revista de Computação e TI

cover_issue_42_pt_BR

A Revista Científica Journal on Advances in Theoretical and Applied Informatics – JADI, produzida pelo COMPSI (Computing and Information Systems Research Lab), laboratório e centro de pesquisa vinculado aos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do Univem, acaba de lançar seu segundo número.

A Revista JADI é uma publicação científica periódica, com o objetivo de promover a disseminação de informações técnico-científicas produzidas por pesquisadores e profissionais das áreas de Ciências Exatas e Engenharias, atendendo a comunidade acadêmica das diversas instituições nacionais e internacionais.

Segundo o Prof. Dr. Leonardo Castro Botega, editor da JADI, o periódico objetiva ser uma publicação eletrônica internacional de alta qualidade, de revisão criteriosa, que apresenta artigos científicos inovadores sobre aspectos práticos e teóricos de temas relevantes e atuais em Tecnologia da Informação, Gestão, Ciência da Computação, Sistemas de Informação e Ciência da Informação.

Botega explica que “os tópicos do segundo número do JADI são variados e incluem: métodos para segurança da informação, tais como técnicas de criptografia de dados (técnicas para tornar a escrita ininteligível para grupos de pessoas); novas soluções para melhorar a vida das pessoas, com novas ferramentas de apoio à detecção de obstáculos para idosos  e  sistemas de resposta de emergências para bombeiros; e finalmente soluções tecnológicas para o reconhecimento de faces e visualização inteligente de tecidos humanos. Neste segundo número, estamos honrados em apresentar trabalhos de renomados pesquisadores e profissionais de grandes centros de pesquisa brasileiros, tais como USP, UNICAMP, UFRGS, UFSCar, UEL, SENAI, UFS, FATEC e UNESP, que contribuíram significativamente para o avanço da ciência e tecnologia nos últimos anos”.

O professor Dr. Elvis Fusco, coordenador dos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do Univem, explica que no cenário contemporâneo, tecnologias computacionais são utilizadas para fazer frente à explosão informacional. Esse cenário caracteriza-se pela indissociabilidade entre informação e tecnologia e, neste contexto, estudos, métodos e ambientes informacionais digitais que abordem os fenômenos informacionais são objetos de investigação. Neste contexto, a revista JADI desponta como um locus de comunicação das pesquisas científicas que investigam essas questões e trazem novos conhecimentos para a comunidade científica e profissional.

O Prof. Dr. Fábio Dacêncio Pereira, coordenador de pesquisa e extensão do Univem e coordenador-adjunto de Ciência da Computação acredita que estes artigos demonstram a alta qualidade, excelência e relevância que esperamos de um journal. Nosso objetivo é que o JADI emerja como um fórum dinâmico e ativo para a disseminação de ideias inovadoras que contribua para o desenvolvimento da informática.

A revista tem sua periodicidade semestral e os artigos desse novo número podem ser obtidos no website da revista: www.univem.edu.br/jadi.

Vaga para Programador Delphi

Conhecimento em integrações WEBSERVICE, DataSnap, Banco de Dados SQL Postgres.

Interessados agendar um horário no 14-99755-4335.

 

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 2.486 outros seguidores