Marília recebe reconhecimento de APL em TI

Aconteceu nesta terça (27/09) evento de lançamento oficial do APL TI Marília em comemoração ao recente reconhecimento do Governo do Estado de São Paulo ao polo de Tecnologia da Informação de Marília que incluiu a cidade na Rede Paulista de Arranjos Produtivos Locais da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (www.desenvolvimento.sp.gov.br/lista-de-apls).

O evento reuniu empresários do setor, associados da ASSERTI, autoridades e convidados. Marília está oficialmente no radar paulista e nacional da Tecnologia da Informação e bons investimentos e eventos vão acontecer no setor.

006.jpg

Juliana Arnaut de Santana, diretora técnica responsável pelo Programa de Fomento aos Arranjos Produtivos Locais, explica que os Arranjos Produtivos Locais (APLs) são são concentrações de empresas que atuam em atividades similares ou relacionadas, que, sob uma estrutura de governança comum, mantém vínculos de articulação, interação, aprendizagem e cooperação entre si e com outras entidades públicas e privadas..

Segundo Juliana, uma das vantagens do APL é facilitar o acesso de micro, pequenas e médias empresas a programas de gestão empresarial, mercado, processo, produtos e linhas de financiamento, visando ao seu fortalecimento no mercado interno e acesso ao externo. Outra vantagem é incentivar a troca de informações entre as próprias empresas, com as entidades de classe, governos e instituições de ensino e pesquisa. Essa interação entre as empresas aprimora suas vantagens competitivas, vislumbrando um cenário de estratégias de crescimento e desenvolvimento e não mais de concorrência predatória.

A elaboração do projeto de solicitação do credenciamento foi realizada pela Asserti (Associação de Empresas de Serviços de Tecnologia da Informação) e protocolada na Coordenadoria de Desenvolvimento Regional e Territorial do Governo do Estado em 25 de agosto de 2016. Em 06 de setembro, o Governo do Estado divulgou o credenciamento do APL TI Marília que a, partir de agora, a Asserti passa a ser a entidade gestora que exerce a governança do APL.

Para solicitar o credenciamento, a Asserti elaborou projeto que demonstra a existência de um aglomerado de empresas de TI localizadas na região de Marília que apresentam uma especialização produtiva e mantém vínculos de articulação, interação, cooperação e aprendizagem entre si, isso inclui parcerias com a Prefeitura, associações empresariais, instituições de crédito, ensino e pesquisa e entidades representativas.

O APL TI Marília é composto por empresas atuantes no ramo de Tecnologia da Informação, por instituições de ensino públicas e privadas, por entidades sem fins lucrativos, associações de classe, comunidades científicas, órgãos de fomento e órgãos públicos, localizados em Marília e cidades circunvizinhas, todos trabalhando em parceria para crescimento e desenvolvimento empresarial, social e econômico da região do centro-oeste do Estado de São Paulo. São mais de 200 empresas gerando mais de 2.500 empregos diretos e indiretos em mais de 13 cidades da região.

O Prof. Dr. Elvis Fusco, presidente da Asserti, palestrou sobre o APL TI Marília, destacando a importância da conquista: “com o credenciamento do APL TI Marília, as empresas poderão se beneficiar das oportunidades que serão geradas pela Rede Paulista de APLs, independentemente de ser ou não associadas da Asserti. Por meio do APL, vamos ampliar a aceleração do desenvolvimento econômico local e regional, além de destacar as empresas de TI da região e torná-las ainda mais competitivas”.

008.jpg

Entre os benefícios permanentes do reconhecimento, estão o acesso a projetos e recursos dos órgãos que compõem a Rede Paulista de APLs e a habilitação do APL para utilizar recursos priorizados no Orçamento do Estado para Arranjos Produtivos Locais.

“Com este reconhecimento formal, nosso município passou a integrar um grupo de elite no cenário da Tecnologia da Informação no estado de SP, considerando que dentre os 645 municípios paulistas somente 5 cidades possuem o reconhecimento oficial de APL na área de Tecnologia da Informação”, destaca Elvis.

Outro fato relevante é que no Centro Oeste Paulista, Marília é única cidade que possui um APL reconhecido e credenciado seja em qualquer área industrial. Tal fato se deve ao intenso trabalho da equipe de pesquisadores, da organização e atuação das empresas associadas da Asserti e da Prefeitura de Marília, trabalhando de forma sinérgica na busca de melhores resultados competitivos para os empresários que optam por investir em Marília.

Para conhecer mais sobre a ASSERTI acesse o site da instituição: www.asserti.org.br ou pelo telefone: (14) 2105-0800 Ramal 354.

Polo de TI de Marília é reconhecido como APL pelo Governo de SP

Evento de lançamento oficial ocorre nesta terça (27/09)

apltimarilia.png

O Governo do Estado de São Paulo reconheceu oficialmente a cidade de Marília como polo de Tecnologia da Informação com o credenciamento do Arranjo Produtivo Local de Tecnologia da Informação de Marília (APL TI Marília) à Rede Paulista de Arranjos Produtivos Locais da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (www.desenvolvimento.sp.gov.br/lista-de-apls).

Os Arranjos Produtivos Locais (APLs) são concentrações de empresas que atuam em atividades similares ou relacionadas, que, sob uma estrutura de governança comum, cooperam entre si e com outras entidades públicas e privadas.

Segundo Juliana Arnaut de Santana, diretora técnica responsável pelo Programa de Fomento aos Arranjos Produtivos Locais, uma das vantagens do APL é facilitar o acesso de micro, pequenas e médias empresas a programas de gestão empresarial, mercado, processo, produtos e linhas de financiamento, visando ao seu fortalecimento no mercado interno e acesso ao externo. Outra vantagem é incentivar a troca de informações entre as próprias empresas, com as entidades de classe, governos e instituições de ensino e pesquisa. Essa interação entre as empresas aprimora suas vantagens competitivas, vislumbrando um cenário de estratégias de crescimento e desenvolvimento e não mais de concorrência predatória.

A elaboração do projeto de solicitação do credenciamento foi realizada pela Asserti (Associação de Empresas de Serviços de Tecnologia da Informação) e protocolada na Coordenadoria de Desenvolvimento Regional e Territorial do Governo do Estado em 25 de agosto de 2016. A partir deste credenciamento, a Asserti passa a ser a entidade gestora que exerce a governança do APL de TI de Marília.

Para solicitar o credenciamento, a Asserti elaborou projeto que demonstra a existência de um aglomerado de empresas de TI localizadas na região de Marília que apresentam uma especialização produtiva e mantém vínculos de articulação, interação, cooperação e aprendizagem entre si, isso inclui parcerias com a Prefeitura, associações empresariais, instituições de crédito, ensino e pesquisa e entidades representativas.

Reconhecido pelo Governo do Estado do São Paulo como Arranjo Produtivo Local em 06 de setembro de 2016, o Polo de Tecnologia da Informação de Marília é apontado como referência em organização, sinergia e prospecção de investimentos, especialmente por meio das articulações entre poder público, instituições de ensino, empresários.

O Prof. Dr. Elvis Fusco, presidente da Asserti, explica a importância da conquista: “com o credenciamento do APL TI Marília, as empresas poderão se beneficiar das oportunidades que serão geradas pela Rede Paulista de APLs, independentemente de ser ou não associadas da Asserti. Por meio do APL, vamos ampliar a aceleração do desenvolvimento econômico local e regional, além de destacar as empresas de TI da região e torná-las ainda mais competitivas”.

Entre os benefícios permanentes do reconhecimento, estão o acesso a projetos e recursos dos órgãos que compõem a Rede Paulista de APLs e a habilitação do APL para utilizar recursos priorizados no Orçamento do Estado para Arranjos Produtivos Locais.

“Com este reconhecimento formal, nosso município passou a integrar um grupo de elite no cenário da Tecnologia da Informação no estado de SP, considerando que dentre os 645 municípios paulistas somente 5 cidades possuem o reconhecimento oficial de APL na área de Tecnologia da Informação”, destaca Elvis.

Outro fato relevante é que no Centro Oeste Paulista, Marília é única cidade que possui um APL reconhecido e credenciado seja em qualquer área industrial. Tal fato se deve ao intenso trabalho da equipe de pesquisadores, da organização e atuação das empresas associadas da Asserti e da Prefeitura de Marília, trabalhando de forma sinérgica na busca de melhores resultados competitivos para os empresários que optam por investir em Marília.

O lançamento oficial do APL TI Marília acontece nesta terça (27/09) às 10h30 no Auditório Shunji Nishimura do Univem com a participação de representantes das empresas de TI da região, da Asserti, da Prefeitura de Marília, do CIESP, da ACIM, do SEBRAE e convidados.

O evento é aberto ao público, para mais informações acesse www.asserti.org.br ou pelo telefone: (14) 2105-0800 Ramal 354.

Serviço:

  • Evento: Lançamento Oficial do APL TI Marília
  • Data: 27 de setembro
  • Horário: 10h30
  • Local: Auditório Shunji Nishimura (Campus do Univem)
  • Endereço: Avenida Hygino Muzzi Filho, 529 – Marília/SP

Vaga para Programador PHP

Vaga: Programador PHP

Empresa: Contabilivre Assessoria Contábil e Empresarial LTDA

Requisitos: Conhecimento em programação de páginas web utilizando PHP e MySQL (Back-end); Conhecimentos em elaboração de páginas dinâmicas utilizando HTML, CSS e Javascript/Jquery/Ajax (Front-end).

Diferencial: Conhecimento em desenvolvimento de aplicações móveis (Android, iOS); Conhecimento na utilização de Web Services; Conhecimento em Programação Orientada a Objetos.

Salário e Benefícios: a combinar.

Enviar currículo para o e-mail departamentopessoal.marilia@gmail.com

Cobertura especial sobre a IX Semana de Tecnologia da Informação

Assista abaixo a cobertura do Programa Visão de Mercado sobre a IX Semana de Tecnologia da Informação, que aconteceu de 12 a 17 de setembro de 2016, evento promovido pelos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do Univem, em parceria com o COMPSI, a ASSERTI (Associação de Empresas de Serviços de Tecnologia da Informação) e o CITec-Marília (Centro de Inovação Tecnológica de Marília).

 

 


Clique aqui e veja fotos do evento.

Abertura da IX Semana de TI atrai mais de 500 participantes no Univem

abertura.jpg

Começou nesta segunda (12/09) a IX Semana de Tecnologia da Informação, evento promovido pelos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do Univem em parceria com o COMPSI (Computing and Information Systems Research Lab), a ASSERTI (Associação de Empresas de Serviços de Tecnologia da Informação) e o CITec-Marília (Centro de Inovação Tecnológica de Marília).

O evento foi aberto com a certificação das novas empresas incubadas e pós-incubadas no Centro Incubador de Empresas de Marília (CIEM), ambiente de empreendedorismo mantido pelo Univem e que, credenciado recentemente ao Sistema Paulista de Ambientes de Inovação (SPAI) do Governo de SP, passou a oferecer também os serviços de pré-incubação e pós-incubação em parceria com o CITec-Marília, que também é credenciado ao SPAI.

Mais de 500 participantes entre alunos, profissionais, empreendedores participaram da primeira noite do evento que foi marcada pela realização do “Seminário de Inovação” que contou com a palestra do coordenador do CITec-Marília e do CIEM, Prof. Dr. Elvis Fusco, que também é o coordenador do evento e dos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação que falou sobre todo o histórico do movimento de TI que a cidade tem visto nos últimos anos.

seminario.jpg

O Prof. Elvis, que também é presidente da ASSERTI, relatou o início do movimento em 2008 com a realização da primeira edição da Semana de TI, a criação da ASSERTI, do COMPSI e do credenciamento dos ambientes de inovação (CITec-Marília e CIEM).

O Prof. Dr. Fábio Dacêncio Pereira, gestor do CITec-Marília/CIEM, palestrou esses ambientes de inovação que o Univem mantém e destacou os serviços de apoio ao empreendedorismo e inovação que estão sendo agora oferecidos aos alunos da instituição e a toda  comunidade da região.

Para encerrar o seminário a Profa. Dra. Ellen Francine Barbosa da USP de São Carlos, palestrou sobre o “Empreendedorismo e Inovação”, mostrando as características do empreendedor e os requisitos para definição de bons projetos inovadores e fontes de fomento que financiam estes projetos.

Como nas outras edições, neste ano o evento apresenta o Recruting Semanati 2016, espaço destinado a empresas de TI e RH que têm a possibilidade de exporem seus produtos e serviços e realizarem o recrutamento de alunos e profissionais.

recruiting

A noite foi encerrada com a palestra “Design Thinking na Gestão de Projetos” com Erich Queiroz da Silva da empresa Lecom.

designthinking

A IX Semana de Tecnologia da Informação continua até o dia 17 de setembro apresentando palestras, oficinas e minicursos.

A programação completa do evento pode ser obtida por meio do site http://www.univem.edu.br/semanati2016.

Começa nesta segunda a IX Semana de Tecnologia da Informação

capa-face

Começa a partir do dia 12 setembro a IX Semana de Tecnologia da Informação, evento organizado pelos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do Univem em parceria com o COMPSI (Computing and Information Systems Research Lab), a ASSERTI (Associação de Empresas de Serviços de Tecnologia da Informação) e o CITec-Marília (Centro de Inovação Tecnológica de Marília).

Maior evento da área de Tecnologia da Informação (TI) da região, atrai profissionais, empresas e alunos e esse ano traz algumas novidades para os entusiastas por tecnologias principalmente os empreendedores com perfil de inovação em TI e aqueles aficionados por tecnologias de desenvolvimento de software.

Empreendedorismo e Inovação em TI, Internet das Coisas (IoT), Web Semântica, Banco de Dados, Design Thinking, Big Data Analytics, Coaching para Profissionais de TI, tendências de tecnologias para desenvolvimento de sistemas para Web e Dispositivos Móveis são alguns dos temas que serão tratados neste ano na Semana de Tecnologia da Informação.

Seu objetivo é proporcionar o intercâmbio tecnológico entre profissionais, estudantes, professores, empreendedores e pesquisadores da área de Tecnologia da Informação, por meio de suas palestras, que visam evidenciar aspectos multidisciplinares, reforçando os elos temáticos presentes na matriz curricular dos cursos, bem como, a atualização técnica dos alunos do UNIVEM e do público em geral, a partir dos minicursos oferecidos durante o evento.

Marília e região vivem um momento especial em relação à área de Tecnologia da Informação e esforços têm sido feitos do Univem em conjunto com a Prefeitura Municipal de Marília, a ASSERTI e o Governo do Estado para trazer para a cidade o Parque Tecnológico que consolidará ainda mais a região como polo de tecnologia e inovação.

Na abertura da Semana de TI no dia 12 de setembro as 19h30, acontece o Seminário de Inovação, fórum de discussão sobre o tema trazendo autoridades e especialistas no assunto.

Como nas outras edições, neste ano o evento apresenta o Recruting Semanati 2016, espaço destinado a empresas que tem a possibilidade de exporem seus produtos e serviços e realizar o recrutamento de alunos e profissionais.

Neste ano acontece novamente a Olimpíada de Informática para Alunos do Ensino Médio em sua 4ª Edição, projeto em parceria com a ASSERTI (Associação de Empresas de Serviços de Tecnologia da Informação) que tem o objetivo de identificar futuros talentos e inspirar os jovens para as carreiras na área da Tecnologia da Informação. Neste ano mais de 150 alunos das escolas públicas e privadas de ensino médio e técnico realizaram treinamento prepatório para a competição em que os melhores colocados irão ganhar um curso de Formação em Desenvolvimento de Aplicativos para Dispositivos Móveis na plataforma Android e os primeiros colocados ganhãarão um Smartphone Android como ferramenta para realizar o curso.

Outra atração do evento é a fase regional da Maratona de Programação, evento promovido pela Sociedade Brasileira de Computação que acontece no dia 10 de setembro pela 5ª vez na cidade de Marília. Nesta competição alunos da área de TI de instituições de ensino superior do interior de São Paulo testam seus conhecimentos em programação de computadores e os melhores colocados são classificados para a fase nacional da competição.

Grandes empresas de TI como a Boa Vista Serviços, Telecontrol, Tray, Locaweb,  CIAG (Jacto), Newcon, Totvs, Interfocus, PayU, Bredas, Onclick, Life, Codesis, Tecnosuper, CR Sistemas e a Associação de Empresas de Serviços de Tecnologia da Informação (ASSERTI) também estarão presentes no evento com apoio e stands no espaço Recruiting.

O evento é aberto ao público em geral e a participação nas palestras é gratuita. Para fazer inscrição nos minicursos, o interessado deve fazer sua inscrição.

Para ver a programação completa do evento, acesse www.univem.edu.br/semanati2016.

Revista JADI abre chamada para recebimento de artigos

cover_issue_42_pt_br

O “Journal on Advances in Theoretical and Applied Informatics – JADI” (ISSN 2447-5033) é um periódico de acesso livre publicado pelo Centro Universitário Eurípides de Marília (UNIVEM). JADI é uma publicação online com o objetivo de promover a disseminação de pesquisas técnico-científicas, produzidas por acadêmicos e profissionais da indústria da área de Tecnologia da Informação e áreas relacionadas, tais como Sistemas de Informação, Ciência da Informação, Ciência da Computação, Engenharia Elétrica, Engenharia de Computação, Gestão de TI, Inovação e Empreendedorismo em TI.

Informações adicionais e orientações para autores podem ser obtidas na página do periódico: www.univem.edu.br/jadi.

Deadline do próximo número da JADI: 01/12/2016

De forma geral, a JADI publica pesquisa teórica e aplicada dos seguintes temas:

  • Novos modelos, arquiteturas, metodologias e frameworks de design de software;
  • Engenharia de software orientada a modelos;
  • Métodos para segurança, manutenção e confiabilidade em software;
  • Arquiteturas de software e metodologias orientadas a qualidade;
  • Novas ferramentas e ambientes para software;
  • Engenharia de software pervasivo, móvel e ubíquo;
  • Software embarcado ou distribuído;
  • Sistemas de tempo-real, dinâmicos, automação e críticos;
  • Abordagens de inteligência artificial e sistemas autônomos;
  • Sistemas de tomada de decisão e ferramentas de suporte;
  • Sistemas, métodos e modelos de gestão de dados, informação e conhecimento;
  • Gestão da qualidade de dados, informações e conhecimento;
  • Gestão de sistemas de informação;
  • Gestão da informação e inteligência competitiva;
  • Sistemas colaborativos e interação humano-computador;
  • Arquiteturas de agentes, multi-agentes, ontologias, linguagens e protocolos;
  • Ferramentas, aplicações e ambientes WEB;
  • Estudos de caso e tecnologias emergentes;
  • Inovação em tecnologia da informação.