Arquivo

Posts Tagged ‘Engenharia de Software’

E-Book sobre Scrum e XP

Este livro oferece um ponto de início, por meio de um estudo de caso detalhado sobre como uma empresa sueca implementou as metodologias Ágeis Scrum e XP com um time de aproximadamente 40 pessoas.

Metodologias ágeis são uma coleção de metodologias baseadas na prática para a modelagem efetiva de sistemas baseados em software. Veja mais em http://agilemanifesto.org/.

Scrum é uma abordagem ágil para desenvolvimento de software. Com Scrum, o progresso dos processos se dão por meio de uma série de iterações chamadas sprints. Cada sprint é tipicamente de 2 a 4 semanas. É ideal para projetos com rápidas mudanças ou exigências altamente emergente.

XP (eXtreme Programming) é uma disciplina de desenvolvimento de software com base nos valores da simplicidade, comunicação e feedback. Ele trabalha, trazendo toda a equipe, juntamente com a presença de práticas simples, com feedback suficiente para permitir que a equipe possa ver onde estão e para ajustar as práticas à situação desejada.

Abertas inscrições para cursos de Pós em TI no UNIVEM

O UNIVEM por meio de Centro de Educação Continuada  (CEC) está com inscrições abertas para os cursos de pós-graduação lato sensu (Especialização / MBA). Na área de informática existem turmas para os cursos de Especialização em Sistemas para Internet e Especialização em Engenharia de Software.

Acesse a página dos cursos e veja os objetivos dos cursos e suas respectivas matrizes curriculares.

As aulas começam em março de 2010 e as inscrições estão abertas.

Para ter mais informações sobre esses cursos envie e-mail para fusco@univem.edu.br

Coding Dojo em Marília

Uma ótima iniciativa que nasceu a partir de uma palestra de Engenharia de Software ministrada na II Semana de TI, evento promovido pelos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do UNIVEM, alunos começaram a se reunir em uma das empresas incubadas no CIEM para treinar dando início ao primeiro grupo de Dojo em Marília.

O Dojo é um espaço onde programadores se reúnem para treinar e aprender. As reuniões são periódicas e centradas num desafio de programação. Apesar do desafio, o objetivo não é terminar o problema. A idéia é aprender com as experiências vivenciadas pelo grupo. O ambiente é inclusivo, seguro e convidativo.

O grupo criou um blog para registrar os encontros e desafios: dojomarilia.com.br

Para saber mais sobre Dojo acesse www.codingdojo.org

Palestra “Práticas de um engenheiro de software eficiente”

Palestra de abertura da II Semana de Tecnologia da Informação do UNIVEM. ministrada por Giovanni Bassi.

Palestra: Práticas de um engenheiro de software eficiente

Acontece hoje às 21:30hs no auditório Aniz Badra no UNIVEM a Palestra “Práticas de um engenheiro de software eficiente”.
A palestra tem entrada franca e faz parte da II Semana de Tecnologia da Informação do UNIVEM, evento promovido pelos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação.

Dia: 13 de outubro
Horário: 19h30
Local: Salão Nobre

Palestra: Práticas de um engenheiro de software eficiente
Palestrante: Giovanni Bassi – consultor e especialista em arquitetura de software e melhores práticas

Resumo: O desenvolvedor atualmente se vê diante de escolhas diversas. Linguagens, como C#, Ruby, Java, PHP, Python. Frameworks como Rails, .Net, EJB. Buzwords como Ajax, TDD, DDD. Diferentes processos como Scrum, PMI, CMMi, MPSbr. Essa palestra sintetiza o estágio atual de desenvolvimento de software, apresentando as práticas atuais que dão certo na criação de software. Levanta as dificuldades para o desenvolvimento de software, e o que pode ser feito para resolvê-las. Mostra ainda práticas que todo desenvolvedor que se entende como profissional precisa conhecer, respeitar e praticar. 
 
Para mais informações acesse o site do evento http://www.univem.edu.br/semanati2009/ ou pelo e-mail semanati@univem.edu.br

Consultoria cria guia para desenvolvimento de software

Livro da Mondo Strategies traz 90 métricas, 194 parâmetros numéricos e 393 variantes para ajustes de contexto.
Por Rodrigo Caetano, da Computerworld
A falta de parâmetros é um dos principais problemas dos desenvolvedores, afirma o fundador da consultoria Mondo Strategies, especializada em gestão integrada de software, Ernani Ferrari. Boa parte dos percalços enfrentados na criação de um sistema, segundo o consultor, se devem a estimativas erradas de tempo, recursos financeiros ou humanos.

O cenário motivou a empresa a lançar um guia que abrange diversas áreas de desenvolvimento e manutenção de softwares. Batizado de “Guia Mondo Strategies de Métricas e Indicadores de Software”, o livro traz, em mais de 200 páginas, 90 métricas e indicadores, 393 variantes para ajustes de contexto, 194 parâmetros numéricos dos mercados brasileiro e mundial, além de notas explicativas. Ao todo, são abordadas 14 áreas de processos.

Para Ferrari, o mercado de desenvolvimento de software nacional utiliza modelos de referência imaturos. Por esse motivo, é comum que os projetos extrapolem orçamentos e prazos. O guia, construído com base em 16 anos de pesquisas do autor, tem como objetivo oferecer referências de mercado atuais, balizando as definições de escopo das iniciativas de desenvolvimento.

Priorizar apenas um lado do processo é talvez o problema mais crítico do desenvolvimento de software. “As empresas fazem projeções erradas”, diz Ferrari. Quando vêem que o orçamento vai estourar, cortam custos demasiadamente; quando o prazo está acabando, e nem metade do trabalho está concluído, aceleram o processo, explica o consultor. Em ambos os casos, a chance de fracasso é grande. A publicação pode ser adquirida no site da consultoria, em www.mondostrategies.com.